Futmesa terá federação em MT

Esporte

Com menos de uma década de chegada ao Brasil, o futmesa tem conquistado cada vez mais o gosto dos brasileiros. Em  Mato Grosso, o novo esporte esta em franca popularização e deverá ganhar uma federação até o fim de 2021.Leia mais

Jogado de duas pessoas ou 4, a modalidade esportiva tem ganhado espaço entre às demais pelo fato de ser um esporte para toda família. Ao portal , o advogado Rodrigo Melo, que trouxe o futmesa para Mato Grosso, conta que a procura pelo esporte tem aumentado a cada nova competição.

“No primeiro torneio, tivemos 32 pessoas jogando, 16 duplas. No segundo, passamos para 32 duplas. E, no último, tivemos 92 praticantes. Em menos de um ano de futmesa, nossa margem mais que dobrou”, disse o advogado, que também é fundador da Joga+ Futmesas.

A empresa, segundo o empresário, distribui as mesas utilizadas para o esporte para diversas parte do estado. Com o aumento da procura, Rodrigo Melo trabalha com a perspectiva de que a quarta edição da competição de futmesa contará com 120 atletas.

Junto ao sócio Caio Cabral, o advogado conta que dará início no processo de fundação da federação até o início de outubro. A busca pela regulamentação tem como objetivo uma maior popularização do esporte por meio de parcerias futuras.

“Estamos levantando toda a parte documental para darmos entrada na Federação, que acredito que até o final deste ano vai estar completamente regulamenta. Até para que a gente consiga explorar mais o futmesa com parcerias junto ao poder público, para criar circuitos de futmesa”, apontou.

No gosto do povo

Fundado na Hungria, o esporte recebeu o nome de teqball no país europeu, em virtude do nome da empresa responsável pelas primeiras mesas da modalidade esportiva.

Com a popularização, o esporte chegou ao Brasil em 2014 e ganhou o nome de futmesa, devido às características que lembram o futebol.

Contudo, o esporte só foi cair no gosto popular anos mais tarde, quando esportistas famosos como Neymar passaram a praticar e divulgar a modalidade em suas redes digitais.

Em Cuiabá, o futmesa chegou em 2020, quando o advogado e seu sócio fundaram a empresa durante a pandemia da covid-19 após a fabricação própria das primeiras mesas da nova modalidade.