Estado sanciona lei e garante Arena com 50% do público

Esporte

Foi publicado nesta sexta-feira (8) no Diário Oficial do Estado (DOE), a sanção do governador Mauro Mendes (DEM) ao projeto de lei de (PL 886/2021) de autoria do deputado estadual Wilson Santos (PSDB) que autoriza o retorno parcial do público nos estádios de futebol em Mato Grosso até atingir 100% em janeiro de 2022.

Pela proposta aprovada, o retorno do público será de 50% da capacidade total do estádio ainda em outubro. Em novembro, será ampliada para 75% e 100% a partir de janeiro de 2022. 

Será autorizada a entrada no estádio dos torcedores que se submetam a testes salivar no prazo de 48 horas antes do evento esportivo ou teste antígeno realizado 24 horas antes. 

Para aqueles que receberam apenas a primeira dose, será necessário apresentar teste com antígeno até 24 horas antes da partida e o exame PCR em até 48 horas. O uso de máscara será obrigatório em todos os setores dos estádios. 

Também será autorizada a entrada daqueles que estão devidamente vacinados com a segunda dose dos imunizantes Coronavac, Astrazeneca, Pfizer e Janssen, essa última de dose única.

A lei foi sancionada após o projeto ser aprovado em regime de urgência urgentíssima na sessão de quarta-feira (6). A proposta recebeu a co-autoria dos deputados estaduais Max Russi (PSB) e Eduardo Botelho (DEM).  “A nossa proposta seguiu regras que já é adotada em São Paulo e Rio de Janeiro. A vacinação tem avançado bem no Brasil e o próprio Executivo já flexibilizou regras por conta da queda de ocupação nas UTIs”, destacou o deputado Wilson Santos.